Sala de S. Miguel

Esta sala situa-se num dos torreões do Paço, na ala poente, sendo a dimensão e distribuição das «câmaras» (aposentos) muito semelhante às do torreão destinado aos cômodos privados do Duque de Bragança no séc. XV. Repare-se que a porta que daqui dá acesso à «Aula» ou «Sala Grande» fica de face para a porta da que era a antecâmara do Duque de Bragança. Não se sabe a quem se destinaria este torreão, mas teria seguramente um uso nobre.

Hoje designa-se «Sala de S. Miguel» dado aqui se encontrar uma escultura de vulto de «S. Miguel Arcanjo».

Especial destaque merece os dois «bargueños» aqui expostos. «Bargueño» é a designação atribuída a um móvel de madeira, escritório, possuindo múltiplas gavetas e tampa rebatível que servia como apoio, por exemplo, para se escrever. Parece ter originariamente sido produzido em Bargas (Toledo, Espanha). O «bargueño» faz vulgarmente conjunto com uma mesa que lhe serve de suporte e ambos são profusamente decorados com folha dourada e policromia.

Aqui se expõe mais duas tapeçarias da série Publius Decius Mus, realizada com base em "cartões" encomendados ao pintor Peter Paul Rubens, sendo os temas tratados «Publius Decius Mus faz-se consagrar em preparação para a morte» e «Publius Decius Mus conta o seu sonho às tropas romanas». Nela se documenta a história do Cônsul romano Publius Decius Mus, baseada na descrição constante na obra, «Ab urbe condita», do historiador romano Tito Lívio. Os cônsules Publius Decius Mus e Titus Manlius chefiam os romanos na guerra contra os latinos (340-338 a.C.), tendo ambos sonhado com um gigante que predizia "que seriam sacrificados aos infernos, o general de um dos exércitos, e o exército oposto, sendo necessário o sacrifício de um dos cônsules para que fosse obtida a derrota do inimigo. Cumprindo um ato de 'devotio', Decius Mus lança-se para a morte contra o exército Latino na Batalha do Vesúvio" (texto de Maria Antónia Quina).

Mobiliário, cerâmica e um espelho com moldura em talha, bem representativa da qualidade dos entalhadores portugueses de setecentos, completam a decoração desta que é a última a sala do percurso da exposição permanente.